Com quase R$ 1 bi em aquisições, receita da Viveo aumenta 76%

Com quase R$ 1 bi em aquisições, receita da Viveo aumenta 76%

Controlada pela família Bueno, a distribuidora de medicamentos, vacinas e produtos hospitalares Viveo (ex-Mafra), registrou crescimento de 76% na receita líquida no primeiro trimestre do ano, para R$ 1,49 bilhão. O avanço foi puxado, principalmente, por aquisições: nos 12 meses encerrados em março a companhia desembolsou cerca de R$ 900 milhões em oito transações. Considerando apenas o crescimento orgânico, a expansão foi de 14%.

As aquisições fortalecem a estratégia do grupo, de atuar nos vários elos de cadeia de materiais de saúde e cuidados pessoais, com atividades que vão da produção à venda ao consumidor. A estratégia é semelhante à da Dasa, outra companhia controlada pela família Bueno. Recentemente, a Dasa integrou os seus negócios, que incluem laboratórios, hospitais, gestão de planos médicos e corretora, para se consolidar como um grande grupo de serviços de saúde.

Veja mais em https://valor.globo.com/empresas/noticia/2021/05/13/com-quase-r-1-bi-em-aquisicoes-receita-da-viveo-aumenta-76.ghtml

Theme Tweaker by Unreal